Breaking

Post Top Ad

Your Ad Spot

domingo, 26 de abril de 2015

Conheça o Popcorn Time: O Netflix pirata

O Popcorn Time vem aumentando cada vez mais seu número de usuários ativos e já gera grandes dores de cabeça nos estúdios cinematográficos e na gigante Netflix





O serviço de streaming (transmissão online pela internet) Netflix, é um sucesso em diversos países, inclusive no Brasil, mas parece que o serviço acaba de ganhar um concorrente de peso. O Popcorn Time (Hora da Pipoca, em tradução livre do inglês) foi lançado em 2014, e já é conhecido como o “Netflix pirata, com filmes que você realmente quer ver”, sendo apontado pela própria empresa, como um dos seus principais rivais.

Diferentemente do Netflix, o Popcorn Time é um software (um programa) e não um site. O serviço oferece filmes e séries em HD e conta com legenda em mais de 35 idiomas. E a melhor parte, sabe quanto custa a assinatura? Nada! Totalmente de graça. Apesar do barulhento sucesso do Netflix devido a sua qualidade de transmissão e ao seu preço acessível, o serviço ainda é alvo de críticas quando o assunto é a quantidade de títulos disponíveis em seu catálogo e a sua restrita limitação aos títulos e pouca variedade. E é desse ponto que as diferenças com o Popcorn Time começam a surgir. 

O serviço é baseado na transmissão de arquivos por torrent, ou seja, você simplesmente escolhe o título que deseja assistir e ele automaticamente procura pelo arquivo de melhor qualidade em servidores que hospedam filmes e séries, como o famoso site sueco The Pirate Bay e o YIFY, e em questão de minutos ou segundos, dependendo da sua conexão de internet, o título é exibido. Você pode até mesmo transmitir o que você está assistindo para uma televisão, usando aparelhos como o Google Chromecast e a Apple TV (ambos aparelhos que reproduzem vídeos, arquivos e músicas na TV, transformando essa TV comum em uma smartTV). 


Assim como o Netflix, o Popcorn Time oferece uma facilidade imensa na hora de assistir a filmes e séries, e está disponível em diversas plataformas: para PC, Android e já chegou a ficar poucas horas disponível na App Store da Apple, até o momento em que a empresa removeu o aplicativo, com base na afirmação de que o programa ia contra as normas estabelecidas pela empresa em relação à pirataria. 

Ao longo do seu desenvolvimento, o site do Popcorn Time já foi retirado do ar diversas vezes. Em entrevista ao site Torrent Freak para explicar sobre a o motivo da retirada do site do ar após o crescimento da popularidade do serviço, o criador do programa, identificado como Sebastian, afirmou: “Será uma briga que não teremos condições de disputar”. Mas não adiantou. O programa possuía código aberto, o que significa que poderia ser modificado por qualquer desenvolvedor. Como consequência, logo após a retirada do site, dezenas de programas clones baseados no mesmo sistema do Popcorn foram criados. 

Com um catálogo vasto e títulos disponíveis em diversos formatos e qualidades (incluindo HD), que nem chegaram a estrear no Brasil ou que ainda estão em cartaz, o Popcorn Time realmente oferece facilidade e qualidade na hora de exibir filmes e séries, mas acaba errando ao admitir e permitir que todas as leis da pirataria sejam burladas, causando assim enormes prejuízos e gerando dores de cabeça para grandes estúdios cinematográficos, incluindo os da gigante Hollywood, que já começam a sentir as consequências do crescente número de usuários ativos do programa. Grandes produções como Game Of Thrones, que chegam a custar 6 milhões de dólares por cada episódio, acabam sendo prejudicadas, afirmam os produtores. O que acaba desvalorizando o trabalho de toda uma equipe por trás das telas. 

É inegável o alto poder de entreterimento e a oferta do Popcorn Time, mas será que valeria a pena sacrificar grandes produções e o trabalho de diversos artistas em nome da pirataria? Eis a questão, livre para ser respondida pela consciência de cada leitor. 

E a resposta? Essa virá com o tempo quando grandes empresas como a Netflix e os estúdios começarem a se movimentar quando o prejuízo apertar. 



Atualmente, o Popcorn Time continua no ar e sites como o Baixaki já disponibilizam o programa para download. Na Holanda, o software já é tão procurado no Google quanto o serviço Netflix.

Páginas